11mar 2014

O começo da Reeducação Alimentar

Postado por às 10:12 pm em Saúde

tumblr_mrc2ylIoxo1sqbn79o1_500

Como disse no post sobre minha saúde, desde 2010 havia abandonado todos os tratamentos do colesterol, durante estes anos até tentei uma dieta que deu certo por pouco tempo, mas acabei desistindo e ganhei peso novamente, e com academia a mesma coisa. Mas desde outubro do ano passado venho observando minha alimentação, e fiquei chocada com o que consumia. Anotei por um tempo tudo que comia e bebia, sem paranoia, só para ter ideia do que eu colocava pra dentro do meu corpo mesmo.

O resultado foi desastroso, percebi que minha única refeição certa era a janta e olhe lá, pulava todas as refeições possíveis e só comia porcaria. Percebi que tomava no máximo 2 copos de água por dia e me sentia completamente inundada por isso. Tinha dias, que sentia até falta de comer comida, tipo arroz e feijão, de tantos lanches e porcarias que comia no lugar das refeições. Este foi o primeiro passo, observar, e ouso dizer que foi um dos mais importantes para começar a me cuidar. Me fez ver e logicamente, entender porque preciso emagrecer, porque minha saúde nunca foi lá aquelas coisas, e o melhor, me fez querer mudar. Porque não adianta alguém tentar te obrigar a comer melhor, se essa postura não vier de você, não vai funcionar.

Mudar a alimentação apenas para perder peso, é dieta, onde você corta completamente certos alimentos e passa comer coisas mais saudáveis por determinado tempo, ou até que o objetivo seja alcançado. Reeducação alimentar é completamente diferente, você ira identificar alimentos que precisa cortar, outros diminuir e adicionar muitos outros. Mas para valer a pena, precisa ter uma razão muito importante, pode ser emagrecer, melhorar sua saúde ou até cuidar de alguma doença.

Minha sorte é que sempre comi de tudo, não fico sem comer arroz, feijão, carnes, legumes, verduras e frutas, meu maior problema está  no doce, como sempre e porções grandes e bem gordas, preciso diminuir os doces e outras gordices. Não sou fresca, só não como vagem, quiabo, jiló, inhame, temaki e afins, carne gordurosa, camarão e goiabada,  do resto eu como de tudo, sou dessas que realmente sente falta de quando fica muito tempo sem comer saladas ou frutas, porque realmente gosto. Mas quem não gosta de nada, entrar numa reeducação alimentar é bem mais difícil.

No dia 16 de dezembro, comecei a reeducação alimentar, primeiro, tirei o pão e massas, continuava comendo arroz branco e batata, mas tirar o pão foi quase cortar o carboidrato, porque eu comia muito, e meu corpo sentiu a diferença, eu comia pão no café da manha, no almoço, café da tarde e no café da noite, em 3 semanas emagreci 3kg. Carboidrato é muito importante para o organismo, mas quem quer emagrecer, precisa diminuir o consumo dele. Por diminuir tanto o carboidrato, emagreci muito rápido, e isso me preocupou porque quero emagrecer com saúde, e evitar que este peso volte mais tarde. Antes de começar a reeducação, eu havia ganhado 1kg, então estava com 63kg, 3 semanas depois cheguei a 60kg.

Além de reduzir o carboidrato, tinha diminuído o doce, refrigerante, suco de caixinha e cortado frituras, e claro, comi muita fruta e salada. Pra começar temos que colocar desafios que sabemos podemos cumprir, não adianta colocar metas impossíveis e se frustrar porque não consegue. Alcançar essas metas, mesmo que sejam fáceis, nos dá motivação para continuar! Por exemplo, sempre fui a louca da Coca-Cola, abraçava uma garrafa e só soltava quando via o fim da coitada, e eu sei, que tirar completamente o refrigerante, não é uma meta fácil, e desde de que comecei, só tomei refrigerante 2 vezes, e claro, reduzi a quantidade. E por ser reeducação alimentar, não tem problema de comer um doce de vez em quando, o importante é comer porções menores e controlar a vontade, até porque o doce é importante para a saúde e se a gente ficar segurando a vontade de comer o que quer, vai ter uma hora que não vamos conseguir aguentar, e acabamos comendo muito mais do que devíamos, e vemos isso como fracasso, ai pronto, desanimamos completamente “Ah, já que sai do regime, vou comer tudo que tenho vontade” e ai sim, vai tudo pro beleléu.

Reeducação alimentar é aprender a comer de tudo um pouco! E não comer tudo que não presta e não comer o que presta.

Eu era do tipo que atacava a geladeira de 5 em 5 minutos para controlar a ansiedade, então quando tentava não comer alguma coisa, o psicológico me matava, ficava doida até comer aquilo. Hoje a técnica mudou, me foco nas coisas que preciso comer, invento maneiras de ficar tudo mais gostoso e assim, esqueço das coisas que quero reduzir da minha alimentação. Por isso, encher a geladeira de coisas saudáveis e pesquisar receitas ajuda muito! Quem não gosta de frutas, legumes e verduras, pode optar por fazer suco com eles, nem sempre fica bom, mas é mais fácil beber do que comer algo que não gostamos né? Aqui em casa, minha mãe sempre fez vitaminas e sucos meio doidos, suco de couve, beterraba, cenoura e laranja são os mais famosos por aqui. É aquela história, é ruim mas é bom. Estou estudando mais sobre sucos e receitas, e aos poucos vou postando os que eu gostar…

Atualmente, voltei a comer carboidrato, substitui o pão branco pelo integral mas o arroz continua sendo branco, porque entrei na academia, e quem faz exercício, não pode de maneira nenhuma ficar sem carboidrato. Além disso, estou investindo pesado nas proteínas, como em todas as refeições para ganhar massa muscular e isso é o que tem feito diferença na minha saúde, me sinto muito mais forte. Vou falar melhor sobre isso nos próximos posts, mas mudando a alimentação estou muito sensível, se fico mais de 3h sem comer, já começo a passar mal.

Então, por hoje é isso, o próximo post é sobre a academia. Eai, quem é adepta a uma vida saudável?

comentários via facebook

3 comentários deixe um →

  1. After I initially commented I appear to have clicked the
    -Notify me when new comments are added- checkbox and now whenever
    a comment is added I receive 4 emails with the exact same comment.
    Perhaps there may be an easy method you are able to remove me from that service?
    Thanks a lot!

    Responder
  2. Eii Lee! Gostei muito do post, muito bem explicadinho. Estou tentando reeducar a minha alimentação, mas eu não consigo diminuir os doces… sempre quando vejo um na minha frente, tenho que comer. Tenho que parar com isso rs..
    Adorei, sorte pra você, tomara que consiga chegar na sua meta. Beijos

    Responder
    • Vishe Karen, sou assim também, mas o legal da reeducação é diminuir a quantidade, a gente pode comer doce, mas não pode comer tanto. Ainda peco muito nisso, sou completamente imatura, não paro até ver o fim do que comecei a comer, é um saco… Mas um dia a gente aprende, só não podemos desistir né? haha obrigada e boa sorte pra você também!

      Responder